(...)

é Inverno...
caminhamos os dois...
pela praia deserta...
despreocupados...
felizes...

encerrados...
para sempre...
no tempo sem tempo...
deste poema...
hesitante...

1 comentário:

biazinha disse...

Tem muita musicalidade este poema nada hesitante e com êxito.
Beijos.