prolegómenos ao rigor de uma ciência futura





















de vinte e quatro maneiras morremos,
de quarenta maneiras ressuscitamos em flores



in
tratado de botânica, Joana Serrado, Quasi

5 comentários:

Lord of Erewhon disse...

Isso é poesia? Melhor nem ser... porque senão será daquela para limpar o cu.

Joana Serrado disse...

Gostei muito de ver a minha Botanica aqui. especialmente com um comentario tao forte!
Fico feliz por desencadear assim reacções fortes....

Canel's Man disse...

excelente livro este, mençao honrosa no Daniel Faria.

;)

beijo para a Joana

van disse...

eu gostei do que li. ainda que gostar não seja uma "reacção forte".

Joana Serrado disse...

obrigada canel´s man. Tens razao Van, gostar agora sabe a pouco! Tens de te esforçar um bocadinho mais!!!!!Agora estou mais exigente!
Um abraço aí para Faro.